Das personalidades míticas

Estava mais uma vez pensando em como a História analisará a nossa época. Temos idéias muito pobres e limitadas sobre aqueles que fizeram a História antes de nós.

Muito antigamente os guerreiros, entre eles os militares, eram personagens com uma mística muito forte, com características que se prestavam muito à construção de caracteres românticos e apaixonantes. Hoje, coitados, os militares são um arremedo do que foram. Mal pagos e sem grande influência na política da maioria dos ditos países civilizados, dificilmente despertariam amores enlouquecidos em mulheres modernas.

Também os autores. Quem será o autor da nossa geração que marcará a História? Não me refiro aos Paulos Coelhos, mas a gente do porte de Dante, Vitor Hugo, Shakespeare, Tolstoi, Jane Austen… Gente que lançou um estilo, que influenciou gerações, que criou histórias que permanecem atuais mesmo 1000 anos depois de escritas.

Será que os mitos acabaram? Ou será que a definição dos mitos só é clara anos depois de terem passado por aqui?

Não sei.

Anúncios

Sobre ociolivre

A prática do ócio livre era o ideal de vários filósofos antigos. Onde nossas reflexões nos levarão?
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s